Língua Portuguesa Global – Internacionalização, Ciência e Inovação

A 2.ª Conferência Internacional sobre o Futuro da Língua Portuguesa no Sistema Mundial é uma iniciativa do Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal. É organizada pelo Camões, IP, pela CPLP (através das suas Representações Permanentes e do IILP) e pelas Faculdades de Letras da Universidades de Lisboa, de Coimbra, do Porto e Universidade Nova de Lisboa, todas representadas na Comissão Organizadora, de modo a conferir à sua preparação uma base académica. Constitui o segmento inicial de uma reunião de Ministros da CPLP, destinada a avaliar, entre outros assuntos, o estado de execução do Plano de Ação de Brasília, aprovado em 2010, aquando da 1.ª Conferência.

Trata-se de um evento que reunirá em Lisboa, a 29 e 30 de outubro deste ano, eminentes académicos dos países de Língua Portuguesa, para refletir acerca do Plano de Ação de Brasília, traçar os pontos de situação relativamente à sua implementação, e, através do foco no tema “Língua Portuguesa Global – Internacionalização, Ciência e Inovação”, conhecer perspetivas e projetar ações atinentes à relação entre a Língua Portuguesa e a divulgação do conhecimento e da inovação por todo o mundo.

A conferência conta com a participação alargada da sociedade civil, através da colaboração com entidades como o Observatório da Língua Portuguesa, a Biblioteca Nacional ou o Museu da Língua Portuguesa de São Paulo. Outras ações paralelas estão previstas, com o apoio e a colaboração da Câmara Municipal de Lisboa.

Os participantes assistirão a sessões de debate e reflexão acerca da execução do Plano de Ação de Brasília. Durante dois dias, serão abordados e desenvolvidos os eixos temáticos definidos para a conferência, assim como mesas redondas e apresentações relativas ao ensino da língua portuguesa no mundo, ou ao papel da ciência e da educação em língua portuguesa no desenvolvimento mundial.

A Conferência contará com a presença de eminentes pensadores e oradores sobre as questões que aproximam as ideias da Língua Portuguesa daquelas que se prendem à inovação, ao desenvolvimento, à difusão e à aplicação do conhecimento; terá ainda a participação alargada da sociedade civil, através de eventos paralelos, de natureza política, cultural, económica ou mediática, emanados de várias organizações, associações e Ordens profissionais.

Sendo seu objetivo avaliar a implementação do Plano de Ação de Brasília, serão retomadas na 2.ª Conferência, como seus elementos estruturais, as grandes secções desse plano, a que se acrescentarão temas debatidos em sucessivas reuniões da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Assim os eixos temáticos da Conferência serão os seguintes:

Ciência e Inovação

Internacionalização

Ensino e Formação

Diversidade Linguística: Políticas

Vocabulários Ortográficos

Educação e Desenvolvimento