Ciência e Inovação

 

Não se contesta o papel do inglês como principal língua de apresentação, partilha e discussão de resultados de investigação no seio da comunidade científica. Pretende-se, sim, desenvolver uma reflexão sobre se, no atual contexto mundial, as línguas de cultura devem prescindir de se afirmar, igualmente, como línguas de ciência e de inovação.

  • Investigação científica: recursos e avaliação

Deve a ciência produzida nos países de língua portuguesa ser exclusivamente vertida em inglês, não se questionando que em parte importante o seja?

Existem áreas científicas em que deve ser estimulada a produção científica feita e divulgada em língua portuguesa? Se sim, em que domínios temáticos, para que destinos, em que situações particulares ou gerais?

Que recursos e que instrumentos podem ser desenvolvidos para este fim?

Que papel cabe às agências de financiamento da investigação nacionais no apoio à construção de tais recursos e instrumentos?

Devem ou não essas agências reconhecer as situações em que a produção de resultados de investigação é preferencialmente feita em língua portuguesa e proceder em conformidade no que respeita à avaliação?

É viável um acordo internacional, a celebrar entre os países de língua portuguesa, com vista à harmonização e à criação de terminologias científicas e técnicas comuns?

  • Cultura científica: comunicação e ensino da ciência

Como estimular a produção de conteúdos de qualidade em língua portuguesa orientados para a comunicação da cultura científica a diferentes públicos e em diferentes suportes?

Como estimular e dinamizar a produção de instrumentos em língua portuguesa destinados ao ensino da ciência nos vários subsistemas do sistema educativo?

Que papel reservar à Internet em geral e aos cursos online (MOOC), em particular? Como desenhar uma rede que envolva a colaboração de museus e outras instituições culturais, departamentos públicos e empresas vocacionados para a formação ao longo da vida nos países da CPLP?

Como dinamizar a tradução científica e técnica de obras de divulgação científica de qualidade para todo o mercado da CPLP?